quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Mula virtual - recrutamento de trouxas para trabalhar em casa


Associated Press - Chicago

A queda na economia mundial está ajudando criminosos virtuais em uma das suas mais difíceis tarefas: enganar as pessoas para a abertura de contas bancárias, fazendo com que se tornem "mulas" para lavagem de dinheiro ou de bens roubados.

As táticas, em si, não são novas: envio de spam com títulos como "Trabalhe em Casa", por exemplo, que prometem excelentes empregos e remunerações em tempo parcial, para ajudar empresas a "pagar" os clientes em outros países. As vítimas são convidadas a abrir novas contas bancárias em seus nomes, concordam em aceitar os pagamentos provenientes de contas anônimas e encaminhar esses pagamentos por meio de transferência de dinheiro, geralmente para locais na Europa Oriental.

O dinheiro geralmente é real e o negociante promete uma parte à mula. O que a pessoa desconhece é que estão ajudando criminosos em lavagem de dinheiro. Enquanto dissimulam a fonte, é a mula que corre o risco maior de detenção.

Normalmente, usuários conseguem identificar isso como uma farsa. Mas pesquisadores de segurança dizem mais pessoas estão dispostas a assumir um risco sobre esse tipo de fraude: o desemprego aumenta e a quantidade de mulas de e-mail também.

"Quando as pessoas estão com medo de serem demitidas de seus postos ou preocupadas em ter dinheiro para pagar contas, podem ver isso de forma diferente," disse o diretor de pesquisa de segurança da McAfee, David Marcus.

Os anúncios para esse tipo de emprego estão ficando cada vez mais convincentes. Parte de seu encanto, entretanto, é que são tecnicamente simples e as pessoas tentam convencer a si mesmas de que as mensagens são legítimas. Os títulos oferecidos no spam geralmente variam de "representantes de vendas internacionais" ou "gestores de navegação."

O relatório anual da McAffe sobre crimes virtuais, divulgado na terça-feira (9/12), diz que 873 sites de "recrutamento" de mulas foram detectados no Reino Unido no primeiro semestre de 2008 - um aumento de 33% em relação à primeira metade de 2007.

Comentário: Abra os olhos com este negócio de "trabalhe em casa e ganhe um bom dinheiro" esse tem sido um dos expedientes para recrutar "mulas" ,ou seja, pessoas para fazer trabalho sujo de uma máfia de criminosos que ficam nas sombras. Quem paga o pato e vai para a cadeia é a "mula"! Outro expiente muito mais comuns são os famosos spans que falam de uma frande fortuna em dólares de um coitadinho de um órfão ou coisa parecida que precisa de ajuda, em troco da sua "caridade" oferecem um porcentagem se você der seu nome, abrir contas bancárias etc. Pura bandidagem!

.


.

Nenhum comentário: