segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Bali - brasileiro para liderar


Brasileiro vai presidir trabalho de negociações do Mapa do Caminho

Agência Brasil

BALI - O diretor do Departamento de Meio Ambiente do Itamaraty, embaixador Luiz Alberto Figueiredo (foto), foi escolhido para presidir o grupo de trabalho que conduzirá as negociações do Mapa do Caminho até 2009, durante a 13ª Conferência das Partes sobre o Clima (COP-13). A informação é do subsecretário de Assuntos Políticos do Ministério das Relações Exteriores e negociador chefe da delegação brasileira em Bali, embaixador Everton Vieira Vargas. Segundo ele, a escolha deveu-se à importância da participação da delegação brasileira nas negociações do encontro em Bali.

O Mapa do Caminho, aprovado neste sábado ao final da conferência, é o roteiro que definirá o sucessor do Protocolo de Quioto. De acordo com Vragas, o documento fará com que a conferência seja reconhecida como um marco nas negociações globais sobre mudanças climáticas.

"O Mapa do Caminho é uma pauta de negociação para os próximos dois anos, que começa em março próximo, com vistas a alcançar, em 2009, um acordo que vai permitir a cooperação internacional em matéia de mudança do clima" - comentou o representante brasileiro.

"Foi uma grande vitória para os países que paticiparam e para a sociedade em geral. Depois de 13 dias de negociações, os 190 países fecharam um acordo sobre o documento, que indicará prazos e princípios para a elaboração do futuro regime global de mudanças climáticas que sucederá o Protocolo de Quioto".

Entre os temas indicados no Mapa do Caminho, estão: redução de emissões de gases de efeito estufa por desmatamento, transferência de tecnologia para ações de mitigação e ajuda aos países mais vulneráveis aos impactos aquecimento global, como secas ou inundações.

16/12/2007

Nenhum comentário: